Infantil

 

A escolha da escova dental correta!

Saiba mais...

Prevenção

   Como prevenir as cáries?

 Saiba mais...

Saúde Bucal

Os primeiros passos de criança!

Saiba mais...

Dentes de Leite!

 Saiba mais...

 

 

Especialidades

                                                                                                     

ESPECIALIDADES ODONTOLÓGICAS:

  • DENTÍSTICA: TROCA DE RESTAURAÇÕES E ESTÉTICA CLAREAMENTO

O clareamento dental é indicado para quem quer dentes mais brancos e naturais, qualquer pessoa pode fazer, desde que seus dentes estejam íntegros e sem muitas restaurações. Caso existam restaurações, estas poderão ser trocadas, pois ficarão mais escuras, uma vez que os produtos utilizados na restauração não são afetados pelo clareamento. Os produtos usados no clareamento não são de um modo geral prejudiciais à saúde. Os dentes podem ser clareados através de géis ou pastas oxidantes (liberadoras de oxigênio) de duas maneiras:


1) Clareamento a laser: é o método mais rápido de clareamento. O dentista isola os dentes para proteger a gengiva e aplica um agente oxidante ativado pelo laser. A consulta dura em média 1 hora;


2) Clareamento doméstico: o paciente, sob a orientação do dentista, leva um gel oxidante fraco, para usar diariamente em casa, durante 4 horas diárias e sem interrupções (normalmente à noite). O tratamento pode durar de 7 a 10 dias dependendo do grau de escurecimento. Pode haver variações dependendo do grau de manchamento e de quanto se quer clarear.


A estrutura dental não é afetada e não há contra-indicação específica quanto à idade. A partir dos 10 anos, é aceitável. Deve-se evitar o tratamento em gestantes e lactantes.

  • PREVENÇÃO

A profilaxia trata da limpeza dos dentes, deve-se portanto fazer uma manutenção regularmente para garantir a saúde oral. Além da limpeza, uma orientação personalizada para a execução da higiene é fundamental, para desta forma proceder a prevenção das cáries e de outras doenças bucais.

  • ORTODONTIA

Esta especialidade busca uma boa oclusão e alinhamento dos dentes. Para que haja a correção dos muitos tipos de desvios se faz necessário o acompanhamento profissional e a indicação correta dos mais diferentes tipos de aparelhos ortodônticos fixos ou móveis para cada caso. Dentre os aparelhos fixos existem os metálicos e os estéticos, como os de porcelana.

  • ENDODONTIA

Mais conhecido como tratamento de canal, onde temos a remoção da polpa, através de um tratamento químico mecânico da parte interna do dente e preenchimento com material obturador.

Dentre os principais sintomas estão dor latejante e espontânea, devido a uma cárie profunda ou trauma oclusal. Se o canal não for tratado pode ocorrer dor intensa, inchaço e perda do dente.

  • IMPLANTODONTIA 

Consiste na  colocação  de  pinos de  titânio internamente  ao osso, o que  possibilita a colocação de coroas protéticas sobre  os mesmos, substituindo desta forma os dentes. Especialidade que permite a reposição de um dente que foi perdido ou mais de um, possibilitando a colocação de próteses sem o desgaste dos demais dentes. Há casos em que se reabilitam arcadas inteiras com o uso de implantes.

  • REABILITAÇÕES PROTÉTICAS

Reabilitação oral por meio da colocação de próteses totais, parciais ou unitárias, fixas ou removíveis, sobre os implantes ou sobre o rebordo alveolar e facetas laminadas para correção estética.

  • DTM (Disfunção Têmporo- Mandibular)

Tratamento de dores no crânio facial, cefaléias, estalidos articulares, bruxismo (ranger dos dentes) e/ou apertamento dental, devido ao desequilíbrio da articulação têmporo-mandibular e  da oclusão (mordida).

  • CIRURGIA

Cirurgia buco-maxilo-facial e oral menor, tais como: "extrações" dentárias, remoção de cisto e outros processos patológicos.

  • SEMIOLOGIA

Diagnóstico e tratamento de lesões bucais. 

  • PERIODONTIA

As doenças periodontais são as principais  causadoras  das perdas dentárias, sendo que o grande responsável pela doença periodontal é a placa bacteriana. Sendo o primeiro estágio a gengivite, esta é caracterizada pela vermelhidão, sangramento  e inchaço das gengivas. A gengivite não tratada pode se desenvolver para uma periodontite, onde ocorre a perda óssea, perda de sustentação do dente elevando a mobilidade e posteriormente perda dos elementos dentários.

 

Antes e Depois

Clareamento antes e depois! Saiba mais....

Troca por Restaurações Estéticas! 

Saiba mais...

Caso antes e depois!

Ortodontia com aparelhos fixos!

Saiba mais....

Dentes inclusos (dentro do osso) tracionados com aparelho fixo , devolvendo a estética para o paciente! Saiba mais...
Plástica gengival: estética e saúde periodontal!Saiba mais...

Pacientes com desvio da linha mediana, mordida incorreta e dores articulares! Correção com aparelho fixo! Saiba mais...

Dentes Fraturados: devolução da estética com restaurações! Saiba mais...

Aparelho Fixo com Braquetes Estéticos de Porcelana! Saiba mais...

Caso Finalizado de Ortodontia e Instalação de Implantes Inferiores! Saiba mais...

Saúde do Bebê

 

Higiene Oral da Gestante e do Bebê!

Saiba mais....

Terceira Idade

 

Endocardite Bacteriana!

 Saiba mais...

Boca Seca!

Saiba mais...

Você e sua Família

 

Curiosidades sobre Halitose!

 Saiba mais...

Sobre Bruxismo!

Leia Mais...

Condicionamento Odontológico para as Crianças

Tratamento "Sem Medo de Dentista"!

Saiba mais...

Esporte e Saúde Bucal

Protetor Bucal! 

Saiba mais...

Este site foi feito com Drupal, um sistema aberto de gerenciamento de conteúdo.